domingo, 25 de outubro de 2009

Obrigada

A vida que temos nesta Cidade Maravilhosa não é nada mais nada menos do que... maravilhosa. Esta é, de facto, uma oportunidade única que nos foi proporcionada. Novos amigos, novos desafios, novas aventuras, viagens, sítios lindos... Tudo graças aos nossos pais.

Por isso, a eles, um grande OBRIGADO!

Estamos todas a adorar!

Vamos aos Resultados

Pois é, despois das provas vêm os resultados!

Aqui as notas são de 0 a 10. Acho que não é preciso dizer que cá em casa 99% das notas foram acima de 9!

Enfim acho que era de se esperar. Ficámos todas muito contentes (como devem calcular) e voltámos a nossa rotina carioca, que, não sei porquê, lembra férias!

Enfim tinha que partilhar esta alegria com todos. Um beijinho e força para todos os erasmus que "sofrem" com o estudo!

Kika

sábado, 10 de outubro de 2009

"Novo Taxi Leblon"

Andar de taxi no Rio de Janeiro sai deveras barato. Claro que não é como andar de van, onde se paga 2 reais e vai-se para qualquer lugar, mas é quase visto que normalmente somos quatro (ou cinco, ou seis... ou até sete!!) no taxi! Para além de que, para mim, é o mais seguro.
Mas o mais interessante é que, pelo preço que pagamos quando andamos de taxi, ficamos habilitadas a ter um concerto de graça.... ora vejam:


video

video

quarta-feira, 7 de outubro de 2009

Provas, Provas e Mais Provas...

As provas começaram!

Há quinze dias que estamos nas chamadas frequências. O esquema aqui é mais ou menos como na Católica: temos duas ou três provas e uma prova final para quem tiver uma média negativa das primeiras provas. Há ainda outra opção que é uma prova e um trabalho, cuja média dos dois tem que ser positiva.

Sem saber o que nos esperava, apesar dos boatos das provas com consulta ou em dupla, começámos o nosso estudo. Foi difícil, confesso. No Rio de Janeiro há sempre coisas melhores para fazer para além de estudar, mesmo quando está de chuva!

A nossa mesa da casa de jantar virou biblioteca! Houve quem chegásse a passar um sábado enfiada na biblioteca da PUC com um sol radioso lá fora... (juro que não fui EU! lol)

À medida que os dias das provas se aproximavam, os professores iam dando umas dicas... Alguns explicavam como se respondia às perguntas que poderiam sair na prova, outros diziam quais os capítulos do livro que eram mais importantes...

A minha primeira prova foi de Marketing. Oito capítulos para estudar que na semana antes passaram a ser 5. O professor de Marketing é supostamente lixado, por isso, eu e a Teresa estávamos um bocado assustadas com aquilo que nos esperáva. No dia da prova, quando entrámos na aula de marketing o ambiente estava tenso. Os nosso coleguinhas diziam que a prova dele costumava ser difícil e enorme!

Eu e a Teresa sentámos e qual não é o nosso espanto quando uma das nossas mesas estava total mente escrita com a matéria toda que saía na prova.. Claro que começámos a achar que iamos ter uma boa surpresa! (Mas é óbvio que não ficámos na mesa escrita com medo de sermos apanhádas)

Antes de distribuir as provas o professor disse: "As provas podem ser feitas em dupla ou individualmente. Depois de terem as provas na mão, têm 10 minutos para ler a prova e consultar tudo o que precisarem.". Eu e a Teresa ficámos radiantes!!
Claro que no fim da prova percebemos que não tinha sido assim tão fácil: a prova tinha 10 perguntas cada uma a valer 1 ponto (aqui a escala é de 0-10), todas de desenvolvimento; a consulta de 10 minutos só fez pior por que ainda ficámos com as ideias mais baralhadas e o facto de fazermos a prova juntas não foi assim tão produtivo porque perde-se imenso tempo. Mas, apesar de tudo isto, mais fácil que a Nova é com certeza...

A segunda prova foi a de Comportamento Organizacional. Tinha 4 perguntas de desenvolvimento e copiar era facílimo. Mesmo assim, como não sabiamos o que nos esperava, não fizemos cábulas claro! Mas o grau de dificuldade nem cábulas exigia eu acho... Vamos lá ver!

Por fim a nossa última prova foi ontem, de Psicologia aplicada à administração! Só pelo nome já devem ter percebido que esta é daquelas cadeiras que uma pessoa faz e nem sabe bem porque faz! Com um ou dois diazinhos de estudo, e com uma prova do semestre passado em mãos, achámos que estavamos bem preparadas. Nos minutos antes de entrar na sala, andava a rodar uma outra prova da mesma professora, mas esta era deste semestre! Óbvio que decorámos a prova antes de entrar e qual não foi o nosso espanto quando recebemos a prova e.... Guess what?! ERA IGUAL!! Esperámos ter uma nota como deve ser claro...

Quanto à Pim e a Carlota, continuam em provas. Têm mais cadeiras que nós e cadeiras mais díficeis! Mas por enquanto, tudo sobre controle!

Ah! Já me esquecia de falar sobre a nossa apresentação de Español! A começar pelo tema, que era "A Espanha", este nosso trabalho foi todo ele no mínimo, ridículo: consistia em fazer uma apresentação sobre La España onde falássemos da história, das danças e comidas típicas, das pessoas famosas de Espanha, etc etc etc... Tipo 5º ano! O pior era que a apresentação tinha que ser em espanhol!
Sem treinarmos grande coisa, lá fui eu e a Teresa para a nossa apresentação. Quando lá chegámos, já estava um grupo a apresentar: por momentos, espanhol e brasileiro eram a mesma língua! O power point em si parecia mentira... Enfim! Claro que ficámos animadíssimas porque percebemos que a nossa apresentação ia ser um sucesso. E assim foi! A professora adorou, nos hablamos muy bien español e ainda pusemos a turma a dançar sevilhanas (onde se perdeu mais de metade do tempo de aula).

Para aqueles que estão em erasmus em faculdades onde se estuda muito e tal, aqui vai um abraço de coragem!

É caso para dizer... Rio de Janeiro, Cidade Maravilhosa!

Beijinhos,

Kika